Grêmio

10 curiosidades sobre o Grêmio que nem o gremista mais fanático conhecia

É uma mais surpreendente que a outra, vale a pena conferir

O Grêmio é um dos maiores clubes do futebol brasileiro e mundial, dono de uma torcida extremamente apaixonada e vibrante. De suas glórias e títulos, todos os torcedores sabem, porém, essas curiosidades vão além. Confira!

1. Um empresário do ramo de fundição resolveu criar o Grêmio depois de assistir à performance do Esporte Clube Rio Grande, primeiro time de futebol do país. Dono da única bola de Porto Alegre, ele reuniu todos os conhecidos da cidade e convocou para uma reunião em um restaurante localizado nos fundos da Galeria Chaves. Depois de muito vinho Esperança, os 33 fundadores assinaram a primeira ata do novo clube.

2. Originalmente, o uniforme do clube deveria ser havana (uma espécie de marrom), branco e preto. Mas como a cor era difícil de encontrar, a diretoria mudou para o azul.

3. O goleiro Eurico Lara é considerado por muitos torcedores o maior jogador que o time já teve. Ele defendeu a camisa gremista até 1935, ano de sua morte. Seu nome aparece até no hino do clube. Também detém o título de atleta que mais vezes jogou pelo Grêmio.

4. O Grêmio foi um dos grandes responsáveis por revelar o técnico Tite. Em 2001, ele foi campeão gaúcho com o Caxias, superando o Grêmio na decisão. No mesmo ano, foi contratado pelo Grêmio e ganhou a Copa do Brasil superando o Corinthians na decisão.

5. O Grêmio foi o primeiro time gaúcho a ganhar de um paulista, em 1935, e o primeiro não carioca a jogar no Maracanã, em 1950.

6. O Tricolor está na história da TV brasileiro: a primeira partida transmitida em cores na televisão brasileira foi entre o Grêmio e o Caxias, em 1972.

7. O Grêmio foi o primeiro campeão da Copa do Brasil, em 1989.

8. O Grêmio tem o único brasileiro a ser campeão da Libertadores como jogador e técnico: Renato Gaúcho, presente nas conquistas de 1981 e 2017.

9. O hino do Grêmio, por sinal, foi composto por Lupicínio Rodrigues, um dos maiores compositores da história da música brasileira e torcedor do clube.

10. Lupicínio compôs o verso “Até a pé nós iremos” inspirado em uma greve dos condutores de bonde em Porto Alegre. Sem transporte público, os torcedores do Grêmio tiveram que ir a pé para o Estádio dos Eucaliptos acompanhar um clássico contra o Internacional.

11. Já a frase “Com o Grêmio onde o Grêmio estiver” foi criada por um torcedor chamado Salim Nigri e aproveitada por Lupicínio.

E aí, torcedor? Quantas das curiosidades listadas vocês tinham conhecimento? A história do Grêmio é ainda maior do que imaginávamos.

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Articles

Close